9.5.10




Quem Sabe um Dia - Mário Quintana

Quem Sabe um Dia
Quem sabe um dia
Quem sabe um seremos
Quem sabe um viveremos
Quem sabe um morreremos!

Quem é que
Quem é macho
Quem é fêmea
Quem é humano, apenas!

Sabe amar
Sabe de mim e de si
Sabe de nós
Sabe ser um!

Um dia
Um mês
Um ano
Um(a) vida!

Sentir primeiro, pensar depois
Perdoar primeiro, julgar depois
Amar primeiro, educar depois
Esquecer primeiro, aprender depois

Libertar primeiro, ensinar depois
Alimentar primeiro, cantar depois

Possuir primeiro, contemplar depois
Agir primeiro, julgar depois

Navegar primeiro, aportar depois
Viver primeiro, morrer depois



Porque viver e amar é mais importante do que ficar remoendo dores, passado e amores frustrados. Quem não vive a vida de forma intensa, cai no perigo de ver a vida passar, ver pessoas irem embora e não mais voltar e perde a oportunidade de viver novamente e intensamente um novo e lindo amor. Porque viver é para os fortes e "morrer" é para os fracos.

3 comentários:

Isa Medeiros disse...

Que lindo poema, Déa, e veio num bom momento pra mim! Tem a ver com tudo o que vem passando na minha alma e pela minha mente nos últimos dias. Um beijo.

Camila S. disse...

E é assim que tem que ser! Bola pra frente, menina! A vida traz coisas que superam a imaginação!

jefhcardoso disse...

Déa, estou aqui em uma visita relâmpago, vim lhe convidar a ler o novo capítulo de “O Diário de Bronson (A Continuação de O Chamado)” e deixar o seu comentário.
Retornarei com melhores modos. Tenha uma boa semana.
Abraço do Jefhcardoso!
http://jefhcardoso.blogspot.com